Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > Em Caruaru, IFPE oferece curso para jovens do Centro Socioeducativi

Notícias

Em Caruaru, IFPE oferece curso para jovens do Centro Socioeducativi

Resultado de um acordo de cooperação técnica com a Funase, estudantes serão capacitado na área de alvenaria
por publicado: 03/10/2018 15h39 última modificação: 03/10/2018 15h39

Na última sexta-feira (28) aconteceu a aula inaugural do curso de qualificação profissional em Pedreiro de Alvenaria, direcionado a cinco jovens do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case), resultado de um acordo de cooperação técnica entre IFPE e Funase. Esta é a segunda turma com jovens do Case que o campus Caruaru acolhe. A primeira ofereceu o curso de Eletricidade Veicular para quatro reeducandos. 

A nova turma terá um total de 60 horas/aula, com encontros toda segunda e quarta-feira. As aulas serão ministradas por professores e técnicos do IFPE. “Essa parceria fortalece o papel social do Instituto com a sociedade. Acreditamos que o caminho para a transformação social é através da educação”, comentou Elaine Silva, diretora-geral do campus, durante a cerimônia. 

André Pessoa, diretor de Ensino, ressaltou a função da instituição na redução das desigualdades. “Oitenta por cento dos nossos alunos tem entre meio e um salário-mínimo. Nossos estudantes tiveram o terceiro melhor desempenho de Caruaru no Enem 2017, considerando escolas públicas e privadas. A educação é movimento, é provocação, e neste sentido ela pode mudar realidades”, afirmou. 

Também participaram do momento Andrezza Moura, representando a Divisão do Extensão do IFPE Caruaru; Normando de Albuquerque, coordenador do Eixo de Profissionalização, Esporte, Cultura e Lazer da Funase; Paulo Pinto, coordenador do Case Caruaru; e Thaysa Vilanova, coordenadora técnica. “Muitas pessoas se mobilizaram para criar essa oportunidade, mas vocês são os atores principais, então agarrem essa chance e assumam essa responsabilidade, pois os próximos beneficiados dependem do resultado que vocês vão apresentar”, destacou Thaysa em conversa com os jovens. 

Normando apontou as relações que os jovens vão formar dentro do Instituto, que podem resultar na criação de novos objetivos. “No final do curso alguém chegar para mim e dizer que deseja ser aluno regular do IFPE, como aconteceu na turma anterior, é a maior vitória que a gente pode alcançar”, afirmou. “Acreditamos no potencial de cada um de vocês, então tenham responsabilidade e compromisso, aqui vocês têm espaço para progredir na vida”, finalizou Paulo.