Você está aqui: Página Inicial > Campus > Garanhuns > Notícias > Projeto de extensão sobre educação ambiental crítica recebe parceiros

Notícias

Projeto de extensão sobre educação ambiental crítica recebe parceiros

Equipes pedagógicas de escolas estaduais e municipais visitaram o Campus Garanhuns
por publicado: 06/04/2020 11h48 última modificação: 06/04/2020 11h55

O projeto de extensão A escola vai ao parque: pensamentos e tecnologias em prol de uma Educação Ambiental crítica e cidadã, vinculado ao grupo de pesquisa Observatório Elo do IFPE Campus Garanhuns, recebeu representantes das equipes pedagógicas das escolas parceiras, Professor Antonio Gonçalves Dias (municipal), e Senador Aderbal Jurema (estadual), no último mês de março.

O objetivo do projeto é promover a educação ambiental e cidadã de forma crítica, coletiva e consciente sobre parques verdes urbanos, através do uso de tecnologias, com escolas integrantes da rede pública municipal e estadual de Garanhuns (PE). Dentro dessa proposta, os integrantes do projeto receberam no dia 04 de março, a visita das equipes pedagógicas das escolas no Campus Garanhuns. Na oportunidade, além de conhecerem a estrutura do Campus, as equipes participaram de uma apresentação feita pelos estudantes do IFPE, que trouxeram uma síntese da proposta, fomentando novos encaminhamentos.

As diretoras das escolas visitantes, professoras Cássia Maria Moura e Hilca Pereira, destacaram durante a visita a importância da temática do projeto e a oportunidade dada aos estudantes das instituições que representam. “Agradecemos a oportunidade conferida aos estudantes, bem como a todas as instituições envolvidas, parabenizando, especialmente, os estudantes do IFPE pela apresentação realizada e toda a equipe do projeto pelas contribuições futuras”, disse Cássia.

O professor coordenador do projeto, João Paulo Aragão, acredita que a principal contribuição do projeto é a integração interdisciplinar, curricular e institucional que inspira. “A abordagem sobre os parques verdes urbanos, numa perspectiva geográfica, soma-se ao ideal de formação de sujeitos críticos, emancipados e conscientes das responsabilidades coletivas quanto à conservação destes espaços, o que aproxima o tema com a educação ambiental e a cidadania”, avalia. 

Ainda de acordo com o coordenador, “na perspectiva de uma ação extensionista, deve-se destacar a importância da troca de conhecimentos científicos e tecnologias entre o IFPE e as escolas participantes”, conclui.

Projeto - O projeto apresenta uma proposta inovadora, na qual os cursos de Eletroeletrônica, Informática e Meio Ambiente dialogam. Os estudantes extensionistas do IFPE Garanhuns, Amanda Herculano, Edrey Rafael e Camilla Galindo, explicam que o processo de produção de todo o conhecimento repassado para as escolas é pautado nesse diálogo. “A integração entre os currículos de Meio ambiente, Informática e Eletroeletrônica é uma das principais inovações do projeto, que conta com a colaboração e co orientação do professor de Tiago Lima e das professoras Tatiana Calado e Manuelle Regina.

Dentre as atividades previstas até o mês de junho de 2020 estão a realização de rodas de diálogo com os estudantes das escolas participantes, fundamentação teórica e metodológica desenvolvida pelos estudantes do IFPE e a oferta de oficinas de instrumentação básica em Meio Ambiente, Informática e Eletroeletrônica aos estudantes das escolas parceiras.