Você está aqui: Página Inicial > Campus > Garanhuns > Notícias > Teatro de surdos é destaque na abertura da SPD

Notícias

Teatro de surdos é destaque na abertura da SPD

Programação da Semana da Pessoa com Deficiência segue até a quarta-feira (13).
por publicado: 12/09/2017 15h39 última modificação: 02/10/2017 18h21

O Campus Garanhuns realizou nesta terça-feira (12) a solenidade de abertura da Semana da Pessoa com Deficiência. A solenidade teve início com os pronunciamentos da assessora de Políticas Inclusivas do IFPE, Alaíde Cavalcanti, do diretor de Ensino do Campus Garanhuns, José Roberto Amaral e do diretor geral, José Carlos de Sá Junior.

Para Alaíde, a inclusão mexe com o coração e está ligada a entender o outro. “O que fazemos quando trabalhamos com a temática da inclusão é educar para a convivência respeitosa, não apenas com os iguais, mas com os que são diferentes de nós. Atualmente o IFPE tem 20 estudantes com algum tipo de deficiência e essa é uma instituição para todos. Educação de qualidade é para todos, esta é a bandeira que levantamos e queremos cada vez mais ganhar experiência em ações inclusivas. Incluir é um desafio diário e cada evento desse nos auxilia a traçar este caminho. A Proext está em todos os campi trabalhando e apoiando esta temática”, ressaltou.

Já o diretor de Ensino, destacou em sua fala o desafio que o Campus Garanhuns teve ao longo do ano com a recepção de estudantes com deficiência e a busca pela implementação da legislação que versa sobre inclusão. “A educação é para todos e com a educação especial não é diferente, tanto que ela está presente na LDB e nós aqui estamos tentando garantir essa educação de qualidade para todos. Este ano iniciamos um grande desafio: recebemos nossos primeiros alunos com deficiência e este é um importante momento para envolvermos toda a comunidade acadêmica com a temática da inclusão na perspectiva de alcançarmos nossos objetivos”.

O diretor geral do Campus, José Carlos, ressaltou a importância da temática para a formação integral e humanística dos estudantes. “Gostaria de destacar a importância que a discussão sobre inclusão tem para a formação dos nossos alunos. O IFPE tem como proposta a formação integral de nosso estudante como um ser social. Temos mais de 500 anos de história e destes cerca de 90% é marcado por uma história de exclusão. E essa história de exclusão só vem sendo discutida a pouco tempo e precisamos avançar para que a instituição contribua na formação de uma sociedade aberta a inclusão”, concluiu.

ABERTURA - Destaque na programação da manhã para o grupo de teatro de surdos, da Escola Dom Juvêncio, que apresentou o espetáculo Chaves, sob orientação da professora intérprete Bruna Cardoso e do instrutor de libras Erickson de Albuquerque. Além dos relatos de experiência do revisor de braile do IFPE, José Carlos Amaral e do estudante de Engenharia Mecânica do Campus Caruaru, Leandro Barbosa.

A programação segue até esta quarta-feira (13) e as inscrições ainda podem ser feitas na biblioteca Luiz Gonzaga.

Programação completa