Você está aqui: Página Inicial > Campus > Garanhuns > O Campus > Histórico

Histórico

por clesia publicado 09/12/2015 13h26, última modificação 12/03/2016 16h02

 

Em 2010, com a expansão da educação profissional no país (Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Profissional, instituído pela Lei nº 11.195/2005), a cidade de Garanhuns ganhou um Campus do IFPE, cujas atividades tiveram início no segundo semestre do mesmo ano.

Bem antes disso, no dia 11 de junho de 2007, foi dado o primeiro passo para implantação da Instituição no município com a realização de uma reunião. No encontro, estiveram presentes representantes de diversas entidades da sociedade civil, prefeitos dos municípios situados no entorno de Garanhuns e o diretor-geral do então CEFET/PE, que fez uma palestra informativa sobre a Chamada Pública MEC/SETEC Nº 001/2007. Esse documento elencava as principais razões para instalação de um Campus na cidade: a geografia, a demografia e a vocação educacional do município. Após ouvir a população, foram definidos quais cursos seriam ofertados: Técnico em Informática, Técnico em Meio Ambiente e Técnico em Eletroeletrônica.

A proposta de criação do Curso Técnico em Informática deu-se em razão da demanda por profissionais com a formação técnica nesta área. Várias pesquisas e levantamentos de dados indicaram a carência no mercado regional e nacional. O IFPE – Campus Garanhuns, por meio deste curso, pretende preparar profissionais para o mundo do trabalho globalizado e competitivo, contemplando áreas inovadoras do conhecimento e abrangendo tecnologias modernas, contextualizadas na ciência da informação, estimulando empreendimentos em informática atraídos pelos nichos de mercado existentes na região.

Já a idéia de criação do Curso de Técnico em Meio Ambiente surgiu da necessidade tanto de Garanhuns como dos municípios vizinhos de superar suas carências de mão de obra qualificada na área ambiental. Além disso, a produção agropecuária, importante atividade econômica da região, caminha para aumentar o nível de adequação de suas atividades a legislação ambiental no intuito de atingir mercados consumidores mais exigentes, o que demanda cada vez mais, profissionais capacitados na área.

Também se justifica a implantação deste curso analisando a demanda pela preservação de mananciais estratégicos para assegurar a qualidade de vida e a sobrevivência dos municípios da Microrregião do Agreste Meridional, a necessidade de proteger os recursos hídricos e os maciços vegetais, compreendendo as nascentes e corpos d’água que compõem as bacias dos rios Mundaú e Canhoto. Quanto à implantação do Curso Técnico em Eletroeletrônica, esta foi embasada tanto na carência de mão de obra qualificada em controle e processos industriais no município sede e nos municípios vizinhos, quanto na oferta deste curso somente em cidades com grande distância de Garanhuns.

Com a definição dos cursos, a aula inaugural do Campus aconteceu em 23 de agosto de 2010, no auditório da Gerência Regional de Educação (GRE) da cidade. As primeiras turmas foram de Técnico em Informática e Técnico em Meio Ambiente, ambas na modalidade subsequente.

Por problemas ocasionados pela falência da construtora contratada, que atrasou a entrega do prédio do Campus, o primeiro endereço do IFPE na cidade, na verdade, foram dois: o antigo Fórum Municipal, onde ficava a equipe administrativa, e a Escola de Referência, local onde aconteciam as aulas. Em fevereiro de 2011, as dependências do Colégio XV de Novembro passaram a receber as atividades administrativas e de ensino. Mesmo com dificuldades em suas instalações, no segundo semestre deste mesmo ano, teve início o curso Técnico em Eletroeletrônica.

Em 02 de julho de 2012, a instituição finalmente mudou-se para sua sede definitiva. Na mesma época, passou a ser ofertada uma nova modalidade de ensino, o Curso Técnico Integrado ao Ensino Médio. Primeiro, na área de Eletroeletrônica, e, a partir de 2013, nas áreas de Informática e Meio Ambiente. O ano de 2012 foi marcado ainda pelo início das atividades de importantes programas federais: o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e ao Emprego (Pronatec), com os cursos Eletricista Predial de Baixa Tensão, Auxiliar Administrativo e Promotor de Vendas; e o Programa Mulheres Mil, ofertando os cursos de Corte&Escova e Corte&Costura. Em 05 de dezembro de 2012 foi realizada a inauguração oficial do Campus Garanhuns pela Presidenta Dilma Roussef, em cerimônia conjunta com outros campi da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, em Brasília.

Em fevereiro de 2013 tiveram início os cursos técnicos de Informática e Meio Ambiente na modalidade integrada ao Ensino Médio, turno manhã e tarde e Eletroeletrônica, turno da tarde. Os três cursos, na modalidade Integrado, passaram a ser ofertados no turno da tarde em 2014.