Você está aqui: Página Inicial > Campus > Ipojuca > Notícias > Aula inaugural abre atividades acadêmicas do semestre

Notícias

Aula inaugural abre atividades acadêmicas do semestre

Estudantes dos cursos dos Campus Ipojuca participaram de palestra introdutória sobre oportunidades e experiências exitosas
por publicado: 07/06/2016 13h51 última modificação: 07/06/2016 14h01

Nesta terça-feira (7) pela manhã, uma aula inaugural marcou o início das atividades acadêmicas do semestre 2016.1.

Convidada pelo Campus, a professora ipojucana Aline Vargas falou aos calouros dos cursos técnicos sobre experiências exitosas de jovens e sobre a importância de se preparar para futuras oportunidades.

Aline falou um pouco também de sua própria experiência. “Terminei o Ensino Médio em 2002, quando a realidade educacional de Ipojuca era outra. Eram poucas as oportunidades para uma pessoa que morava Serrambi, como eu”, disse Aline. Ela contou como foi importante persistir no curso superior em Letras e, em seguida, na pós-graduação em ensino de Língua Espanhola: “Quando as oportunidades de trabalho surgiram, eu estava pronta”.

A professora Aline Vargas também mostrou aos presentes o vídeo "Oportunidades" (acesse aqui).

O professor Guilherme Amorim, diretor de Extensão do Campus Ipojuca, falou em nome da equipe de gestão e reforçou a importância de investir na formação: “Estamos em meio a um polo empresarial, que recebeu investimentos enormes. Essa crise, como todas as outras, vai passar, e é importante que vocês estejam preparados quando novas oportunidades surgirem”.

Os calouros também receberam informações sobre o Centro de Libras e Línguas Estrangeiras (CELLE) e foram convidados a participar de atividades extracurriculares do Campus, como a Semana do Meio Ambiente, que ocorrerá entre os dias 20 e 22 de junho. A palestrante Aline Vargas aconselhou os estudantes a se integrarem: “Quando as pessoas oferecerem algo novo em sua vida acadêmica, – uma palestra, um curso de línguas, a participação em um projeto – , diga sim. O não nós já temos; é a partir do sim que podem surgir coisas novas”.