Você está aqui: Página Inicial > Campus > Ipojuca > Notícias > IFPE Ipojuca lança chamada pública para aquisição de alimentos via PNAE

Notícias

IFPE Ipojuca lança chamada pública para aquisição de alimentos via PNAE

Edital é voltado para fornecedores de frutas e outros itens para lanche oriundos da agricultura familiar; prazo para envio de propostas vai até 03/11
por publicado: 13/10/2022 11h56 última modificação: 19/10/2022 14h21

O IFPE-Campus Ipojuca lançou, nesta quinta-feira (13), o Edital de Chamada Pública nº 01/2022, voltado a fornecedores de gêneros alimentícios oriundos da agricultura familiar.

Acesse a Chamada Pública aqui.

Fornecedores individuais, coletivos informais (com DAP de cada agricultor) e grupos formais de agricultura familiar podem participar da concorrência. O prazo para envio da documentação completa exigida em edital é dia 03/11, pelo e-mail compras@ipojuca.ifpe.edu.br. Alternativamente, os documentos também podem ser entregues impressos, pessoalmente e em envelopes lacrados e identificados conforme orientação do Edital, no dia 03/11/2022, entre 8h30 e 10h.

O Campus Ipojuca do IFPE fica localizado na Rodovia PE 60, altura do km 14 (bairro: Vila Califórnia).

A descrição completa dos itens a serem contratados estão no Anexo I do Edital (Projeto Básico): abacaxi, banana-prata, laranja cravo ou pokan, melancia, pão e bolo de bacia produzidos de forma artesanal. A contratação será feita com os recursos destinados à unidade de ensino pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Todos os detalhes sobre a documentação exigida e as regras para fornecimento estão no Edital de Chamada Pública e seus anexos. Dúvidas sobre o Edital podem ser sanadas diretamente com a equipe responsável pela aquisição, pelo e-mail compras@ipojuca.ifpe.edu.br.

PNAE - Gerenciado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), o PNAE garante, por meio da transferência de recursos financeiros aos municípios, estados e escolas federais, a alimentação escolar dos estudantes, seguindo os princípios do Direito Humano à Alimentação Adequada (DHAA) e da Segurança Alimentar e Nutricional (SAN). Além de auxiliar na garantia da segurança alimentar dos alunos, a ação irá gerar renda e fortalecer a agricultura familiar de Pernambuco.