Você está aqui: Página Inicial > Campus > Ipojuca > Notícias > Matemática inspira trabalhos de estudantes na VIII SNCT

Notícias

Matemática inspira trabalhos de estudantes na VIII SNCT

A oitava edição do evento no Campus Ipojuca foi oportunidade para estudantes proporem atividades novas e exporem os trabalhos desenvolvidos durante o ano
por publicado: 09/10/2017 17h51 última modificação: 10/10/2017 12h11

Estudantes do Campus Ipojuca, de outros campi do IFPE e de escolas da região tiveram oportunidade, durante a VIII Semana de Ciência e Tecnologia, de apresentarem trabalhos desenvolvidos durante o ano. O tema da Semana em 2017 é “A Matemática está em tudo!”.

Fazendo uso do CLP (Controlador Lógico Programável), turmas de Automação Industrial montaram uma série de equipamentos mostrando. Entre os trabalhos estão selecionadoras de peças e resíduos, um braço mecânico e uma envasadora de líquidos, além de um “robô goleiro”. “Passamos três semanas construindo, programando e fazendo testes até chegar ao produto final”, disse Erick Flavio, estudante do terceiro módulo.

A Semana de Ciência e Tecnologia também recebeu trabalhos feitos por estudantes de outros campi do IFPE e de escolas da região de Ipojuca. Estudantes da Escola Estadual de Referência Frei Otto, por exemplo, trouxeram para a área de exposição alguns dos trabalhos que vêm desenvolvendo na área de robótica. “Começamos a trabalhar com os kits de robótica há alguns meses, e os resultados estão sendo ótimos. Além dos robôs descritos nos manuais, eles também já desenvolveram”, contou o professor que orienta a turma, Sandoval Carlos.

Equipe da Escola Municipal Monteiro Lobato, do Cabo de Santo Agostinho, trouxeram a oficina “Spinning – utilizando conceitos matemáticos”, explicando a teoria por trás do brinquedo que ficou famoso em 2017.

QUÍMICA E MATEMÁTICA – Outros destaques da semana ficaram a cargo dos estudantes de Licenciatura em Química, que propuseram uma série de atividades aliando o ensino da Química ao da Matemática. Para uma das oficinas, os estudantes desenvolveram um método de distribuição eletrônica dos elementos da tabela periódica fazendo uso de um ábaco.

Na gincana “A tecnologia está em tudo!”, organizada também por estudantes de Licenciatura em Química, o ponto de partida para as pistas explicou a tecnologia por trás do QR Code. “Lembro que vi o QR Code pela primeira vez em nossa carteira de estudante, quando entrei, e hoje ele já está em todo lugar”, conta a estudante Bruna Elionai, do quinto período da Licenciatura.

A área de Química e Petroquímica foi representada ainda por outras atividades na programação, como a oficina de confecção de compósitos poliméricos a partir de fibras naturais, orientada pela professora Juliana Lucena, e a oficina de produção de gelecas, com o professor Ribamar Santos.

Conheça a programação da VIII SNCT no Campus Ipojuca