Você está aqui: Página Inicial > Campus > Recife > Notícias > Grupo de pesquisadores do Campus publica artigo científico em revista internacional

Notícias

Grupo de pesquisadores do Campus publica artigo científico em revista internacional

Pesquisa foi desenvolvida no âmbito do Leman
por publicado: 19/08/2020 17h05 última modificação: 19/08/2020 17h52

Um grupo formado por docentes e estudantes do Campus Recife publicou artigo oriundo de pesquisa na revista científica International Journal Of Hydrogen Energy, periódico oficial da Associação Internacional de Energia de Hidrogênio. Com o título "Ultrasound as a tool for reducing energy consumption in electrocatalytic hydrogenation ofaromatic ketones using graphite as catalyst support" o artigo (disponível aqui) tem como objetivo aplicar os princípios da química verde por meio do uso de ondas de ultrassom no processo de hidrogenação de substâncias orgânicas. Esta ação evita a utilização de solventes orgânicos agressivos ao ambiente.

O trabalho de investigação resultante no artigo foi desenvolvido ao longo dos anos de 2018 e 2019 dentro do Laboratório de Eletroquimica e Materiais Nanoestruturados (Leman), que é coordenador pelos docentes Márcio Vilar e Frederico Duarte. O Leman produz, desde a sua formação em 2014, pesquisas relevantes e que também já foram publicadas por revistas científicas a nível nacional e internacional. Fizeram parte desse trabalho as estudantes do curso técnico integrado em Química Industrial Maria Eduarda Pereira e Maria Eduarda Barreto, além da estudante egressa do Campus, Sarah Calado Galvão. Todas desenvolveram atividades vinculadas ao programa de iniciação ao desenvolvimento tecnológico e inovação (PIBITI) do Campus Recife.

Segundo Márcio Vilar, com os resultados apresentados pela pesquisa, outros cientistas podem melhorar a eficiência energética de processos sintéticos semelhantes. “O trabalho reduz em mais de seis vezes o consumo de energia, quando comparado a outros processos análogos. Ele também reduziu custos operacionais por meio da utilização de temperatura e pressões ambientes, ausência de solventes e materiais de baixo custo, como o cátodo do grafite”, explica.

Para Eduarda Pereira fazer parte da pesquisa e poder contribuir no âmbito científico é motivo de orgulho. “Foi uma oportunidade incrível pelo enorme aprendizado que adquiri ao longo desses meses, trabalhando em equipe, observando, executando e criando. Poder contribuir com a ciência é, sem sombra de dúvidas, uma das coisas mais inspiradoras que eu já fiz”, revela. O mesmo pensamento é compartilhado pelo coordenador Márcio. “É gratificante colher os frutos de um trabalho que começou há 5 anos e que cresce a cada dia. Nosso grupo não seria nada sem os estudantes de mestrado, doutorado e de iniciação científica que tivemos o prazer de orientar”, avalia.

Participação Interinstitucional – A pesquisa sobre o uso de ondas de ultrassom contou com a colaboração de pesquisadores dos departamentos de engenharia mecânica e refrigeração do Campus Recife, José Ângelo Peixoto e Álvaro Ochoa, respectivamente, e do pesquisador do Leman, Rodrigo Nogueira. Também auxiliaram no processo, os pesquisadores dos setores de química e engenharia química da UFPE, Marcelo Navarro, Jonite Angela da Paz e Celmy Bezerra. O pesquisador do departamento de química da Universidade Federal de Sergipe, Gabriel Francisco da Silva, também colaborou com o projeto. Para Villar, essa articulação é uma das chaves para a produtividade do grupo: “Essa união é refletida em nossos artigos, projetos e patentes em conjunto”.