Você está aqui: Página Inicial > Campus > Recife > Notícias > Serviço Social anuncia data de apresentação do espetáculo “Clamor Negro”

Notícias

Serviço Social anuncia data de apresentação do espetáculo “Clamor Negro”

Produção traz reflexões sobre as diversas opressões sofridas pelas mulheres negras desde a diáspora africana até hoje
por publicado: 29/03/2019 15h48 última modificação: 12/04/2019 13h58

Ainda reverberando o Dia Internacional da Mulher, o auditório do Campus Recife receberá o espetáculo teatral-poético-musical “Clamor Negro”. A apresentação, marcada para sexta-feira passada, precisou ser adiada. O Serviço Social do Campus Recife anunciou que a apresentação ocorrerá na próxima quinta (04), às 10h, no Auditório. A atividade é uma iniciativa do projeto “Educação democrática e direitos humanos: uma abordagem popular”. Conta com a coordenação da equipe de Serviço Social do Campus em parceria com o Comitê da Várzea, grupo político-cultural autônomo formado por moradores, artistas e trabalhadores da educação que atuam no bairro e seu entorno.

O espetáculo é um monólogo dividido em oito atos interligados por músicas com temáticas africanas. Cada ato apresenta seis poemas de autoria das poetisas negras Odalita Alves, Cristiane Sobral e Vitória de Santa Cruz. Os oito atos apresentam diferentes questões que envolvem racismo e violência, sobretudo, contra as mulheres negras. Entre as temáticas estão: invisibilidade das bonecas negras, subempregos, farsa da abolição, legislação, além da apresentação de heróis e heroínas negras. O público é levado a refletir e interagir com os poemas e crônicas teatrais que formam a peça. “A intenção é buscar sensibilizar de maneira poética e crítica o espectador para a importância de se combater o racismo nos diversos espaços sociais”, reitera a atriz Odalita Alves.

A apresentação ainda contará com a participação especial da cantora Isaar, exclusivamente para o Campus Recife. A entrada é gratuita e aberta ao público interno e externo.

Espetáculo "Clamor Negro"

04/04/2019

10h

Auditório

Entrada gratuita (aberta ao público interno e externo)