Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > Reitoria promove seminário sobre a expansão do IFPE

Notícias

Reitoria promove seminário sobre a expansão do IFPE

Encontro reuniu prefeitos e gestores dos sete municípios onde os campi da terceira fase da expansão foram instalados
por publicado: 24/03/2017 14h27 última modificação: 24/03/2017 14h45

Com o objetivo de fortalecer parcerias e apresentar informações sobre a implantação das sedes definitivas dos novos campi, a reitora do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), Anália Ribeiro, reuniu, na quinta-feira (23), prefeitos e representantes do poder público municipal no Seminário “A expansão do IFPE nos sete municípios pernambucanos”. No encontro, realizado no auditório no Centro Pernambucano de Ciências Nucleares, na Cidade Universitária, foram apresentados detalhes sobre o andamento das obras e o impacto já gerado com a chegada dos campi nas cidades de Abreu e Lima, Cabo de Santo Agostinho, Paulista, Palmares, Olinda, Jaboatão dos Guararapes e Igarassu.

 “Nosso esforço enquanto IFPE é levar Educação Profissional e Tecnológica de qualidade como atributo de uma política de desenvolvimento para os municípios. Nossos campi, mesmo funcionando em sedes provisórias, chegam com uma vocação muito grande para impulsionar esse desenvolvimento e gerar novas oportunidades à população”, afirmou a reitora. Expansão IFPE

 Os sete novos campi já contam com 2.211 estudantes, 1.305 servidores e oferecem, atualmente, 18 cursos técnicos e uma especialização. Desde a inauguração, já foram ofertados gratuitamente 37 cursos de extensão. A Pró-Reitora de Ensino, Edlamar Oliveira, destacou que, além de abrir oportunidades de qualificação e capacitação para população local, a chegada dos campi também contribui para a movimentação da economia. “Os estudantes recebem bolsas para o desenvolvimento de pesquisa e projetos de extensão, fora os auxílios da assistência estudantil. É uma injeção de recursos que se reflete na economia do município”, pontuou.

 Em funcionamento desde 2014, na Faculdade de Ciências Humanas (Fachuca), o Campus Cabo será o primeiro a ficar pronto. Instalado na cidade planejada Convida Suape, sua conclusão está prevista para ocorrer ainda no primeiro semestre deste ano. Até maio deste ano,  também devem ocorrer as licitações das obras dos campi Abreu e Lima e Paulista. O prazo de conclusão é de 12 a 18 meses.

Expansão IFPE “Todos os projetos contam com a mesma estrutura. As variações vão se dar apenas em decorrência das adequações dos terrenos. Os sete campi contarão com dois blocos administrativos, 16 salas de aula, oito laboratórios, estacionamento, áreas de convivência, entre outros pontos. Se, em sedes provisórias, os novos campi já produzem números significativos, imagina quando estivermos nas sedes definitivas”, destacou a Diretoria do Departamento de Obras e Engenharia, Virgínia Correia.

 Além dos gestores sistêmicos do IFPE, estiveram presentes na reunião o prefeito de Abreu e Lima, pastor Marcos José, e o prefeito de paulista, Júnior Matuto. “A chegada do IFPE tem mudado a dinâmica dos nossos municípios, melhorando a qualidade de vida e autoestima da população. Estamos ansiosos pela inauguração da sede definitiva”, afirmou o gestor de Paulista.  Também participaram do encontro, representantes das prefeituras de Olinda, Igarassu, Jaboatão e Palmares.

 HISTÓRICO – A implantação dos sete novos campi foi resultado da terceira fase de expansão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. Em Pernambuco, foram escolhidos para receber um campus do IFPE as cidades de Abreu e Lima, Jaboatão, Igarassu, Palmares, Paulista e Olinda. A escolha dos cursos a serem oferecidos foi feita após um estudo de mercado, realizado por uma consultoria especializada, e de audiências públicas promovidas em cada cidade. Todos os sete novos campi funcionam em sede provisória desde 2014, com exceção de Abreu e Lima, inaugurado em 2015.