Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > Seminários de Agroecologia e de Educação do Campo começam nesta segunda (23)

Notícias

Seminários de Agroecologia e de Educação do Campo começam nesta segunda (23)

Encontros acontecem com atividades presenciais e virtuais até sexta (27)
por publicado: 23/05/2022 10h01 última modificação: 23/05/2022 11h40

Têm início nesta segunda-feira (23) e seguem até a próxima sexta (27), o V Seminário de Agroecologia e o IV Seminário de Educação do Campo do IFPE, que nesta edição discutirão a temática "Educação do Campo e Agroecologia: resistência e caminhos para a construção de um projeto popular".

Os eventos são organizados pela Coordenação de Extensão dos Povos do Campo, vinculada à Pró-Reitoria de Extensão (Proext), e acontecem de forma híbrida (virtual e presencial) e gratuita, e são abertos ao público em geral. As inscrições, abertas a qualquer público, podem ser realizadas até momentos antes dos eventos.

No formato presencial serão realizadas: a mesa de abertura (23/05) "Juventude Camponesa e Agroecologia: protagonismo da juventude nas relações sociais do campo" e o Cine Resistência, realizados no Centro Paulo Freire, no Assentamento de Normandia-Caruaru; e a mesa de fechamento (27/05) "Educação do Campo e a Contra reforma do ensino médio: caminhos de resistência e esperança", no Armazém do Campo, no Centro do Recife; além de oficinas presenciais em comunidade rurais espalhadas por Pernambuco. Os momentos presenciais serão realizados em espaços abertos, com capacidade máxima de 150 pessoas, obedecendo todos os protocolos de segurança recomendados pelo Governo Federal. Essas mesas presenciais serão também transmitidas pelo Canal Oficial do IFPE no Youtube, assim como todas as atividades virtuais do evento (mesas de debate, apresentações de trabalho, oficinas virtuais e outros).

Os seminários contarão com a presença de nomes de referência da Agroecologia e Educação do Campo, tais como: Irene Cardoso(ABA,UFV), Jaime Amorim (MST), João Pedro Stédille (MST), Ramon De Oliveira (UFPE), Michela Calaça (MMC), Ricardo Barros (IFPE), Ana Paula Da Silva (MMTR) e Kleber Xukurú (Povo Xukurú).

De acordo com a Coordenação de Extensão dos Povos do Campo, o objetivo é construir junto com os movimentos sociais espaços de debate e de construção de alternativas para os desafios enfrentados pelos povos do campo, das florestas e das águas a partir do campo teórico e prático da Agroecologia e da Educação do Campo. Realizado desde 2018, os eventos são pensados e promovidos em parceria com diferentes entidades e movimentos sociais, reunindo pesquisadores, assentados, indígenas, quilombolas, professores, pescadores, extensionistas rurais, posseiros, agricultores familiares, trabalhadores rurais e demais interessados pelas temáticas abordadas.

>>> Para conferir a programação completa, inscrições e mais informações, acesse o site: