Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > IFPE comemora oito anos com cultura e solidariedade

Notícias

IFPE comemora oito anos com cultura e solidariedade

Festividades foram realizadas nesta quinta-feira (1º), no pátio do Campus Recife
por publicado: 01/12/2016 18h03 última modificação: 05/12/2016 11h31

Um clima festivo marcou a manhã desta quinta-feira (1º) no Instituto Federal de Pernambuco (IFPE). A Instituição comemorou os oito anos de sua criação, com a presença de servidores, gestores, autoridades, representantes de instituições parceiras e estudantes.

A programação aconteceu no pátio do Campus Recife e contou com discursos de antigos gestores e da atual reitora, diversas atrações culturais, bazar solidário e corte de bolo.

Sob a coordenação da professora de Educação Física Daise França, um grupo de 16 alunos do Campus Recife, integrantes do projeto de Extensão de Ginástica Rítmica, apresentou uma série de ginástica geral com elementos das modalidades artística e rítmica.

Uma das ginastas, a estudante Thainá Lacerda, do curso de Segurança do Trabalho, disse que fazer parte da programação que homenageia uma instituição que tanto contribui para sua formação é muito gratificante. "Sinto que faço parte dessa história e também estou marcando a minha nessa passagem de quatro anos aqui pelo IFPE. Muito bom ter essa sensação de se sentir acolhida pelo Instituto", declarou.

Na sequência das atrações, o egresso e agora servidor do Campus Abreu e Lima, Cleiton Mariano, encenou uma coreografia ao som da música "Romaria", de autoria de Renato Teixeira e interpretada por Maria Bethânia. A última atração da manhã foi o trio do IFPE Olinda, formado pelos professores Katarina Menezes e Fernando Ivo e pelo servidor Leonaldo Junior, que interpretaram músicas eruditas e declamaram o poema Evocação ao Recife, de Manoel Bandeira.

O primeiro reitor do IFPE, Sérgio Gaudêncio, afirmou ser um imenso prazer retornar à casa que o acolheu em 1984 para poder comemorar mais um aniversário de uma instituição que já nasceu centenária, fazendo referência à história dos 108 anos que o Instituto acumula desde a criação das antigas Escolas de Aprendizes Artífices, em 1909. "Fico feliz em saber que a criança envelhecida, a qual completa oito anos mas tem uma história de 108, continua mais forte do que nunca", frisou.

A ex-reitora Cláudia Sansil ressaltou a marca dos oito anos da instituição com o desejo de vida longa à missão do Instituto. "Que essa marca do infinito, a qual simboliza esse aniversário, possa se reverter em mais oito, oitenta, oitocentos, mil anos de constituição do IFPE", enfatizou.

Aproveitando a presença das representantes das instituições Creche Lar da Esperança e Grupo Humanizar, as quais irão receber as doações do bazar da solidariedade, a reitora Anália Ribeiro destacou a função social que o IFPE desenvolve nesses oito anos de existência. "Nós queremos estar ao lado das pessoas que são mais vulneráveis na nossa sociedade porque é para isso que a gente existe", disse a gestora.

Mais festa - Na parte da tarde, as comemorações continuaram com a apresentação de estudantes passistas de frevo do Campus Cabo de Santo Agostinho. A peça Janela das Emoções dos Oito Anos, escrita pela ex-reitora Sansil, foi encenada pelo professor do Colégio Militar, Daniel Moreira, e pelos servidores Karinna Paes (Proad), César Santiago (Proad), Gisele Lins (Proad), Fernando Ivo (Campus Olinda), Suerda Araújo (Coordenação de Eventos), Denison Santana (Prodin), Helena Rodrigues (Gabimete), Verônica Rodrigues (Campus Cabo), Rineide Gonçalves  (Campus Paulista) e Fred Braga (aposentado). Estes dois últimos encerraram a festa interpretando clássicos da MPB. 

 

 

registrado em: , ,