Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > IFPE Barreiros leva cultura, ciência e educação à praça pública

Notícias

IFPE Barreiros leva cultura, ciência e educação à praça pública

Evento será realizado na quarta-feira (23). Expectativa é que mais de 1500 pessoas participem das atrações previstas na programação
por publicado: 16/10/2019 14h57 última modificação: 18/10/2019 15h09

Na próxima quarta-feira, dia 23 de outubro, alunos e professores da nossa instituição vão tomar conta da Praça do Rosário, em Barreiros, na primeira edição do IFPE na Praça. O evento começa às 9h e segue até as 21h com uma programação repleta de palestras, apresentações culturais e shows musicais. Cada curso oferecido pelo campus terá um estande de exposição onde serão realizadas atividades pedagógicas práticas e expositivas. Nesse espaço o visitante poderá ainda se informar sobre os cursos e ter contato direto com profissionais e alunos envolvidos na formação. Além disso, uma equipe de profissionais estará disponível no local realizando as inscrições dos interessados em concorrer ao vestibular IFPE 2020.

Nos últimos anos mais do que duplicamos o número de alunos inscritos no nosso campus. Mas sempre houve uma demanda da população de uma aproximação maior da escola com a comunidade. Depois de visitar diversos institutos federais pelo país, desenvolvemos o IFPE na Praça para atender esse desejo de integração”, explica o diretor-geral do Campus Barreiros, Adalberto Arruda. Alunos de todos os cursos se envolveram na produção, elaborando projetos e demonstrações práticas de conceitos apreendidos em sala de aula para que os visitantes possam entender melhor a atmosfera e os conceitos de cada um dos cursos ofertados em nosso campus.

As palestras vão ser apresentadas por professores do Campus Barreiros e convidados com temas que dialogam com o cotidiano dos jovens em idade escolar, explorando aplicações práticas de conceitos estudados em sala de aula. “Queremos quebrar qualquer distância que as pessoas possam ter em relação ao Instituto, fazer com que eles entendam que estamos aqui como parte da comunidade também”, afirma a presidente do evento, Professora Kamylla Alexandre, coordenadora do curso superior de licenciatura em química. As inscrições para as palestras são gratuitas e devem ser feitas no local até meia hora antes do seu início.

A expectativa é de que cerca de 1500 pessoas transitem pelo IFPE na Praça durante todo o dia, que vai ser finalizado com shows das bandas Sons do Campus, Big Band, Caxasamba e Victor Leão. Antes disso, apresentações culturais da região vão acontecer em paralelo às atividades pedagógicas, que devem ser encerradas às 17h. Passam pela Praça do Rosário atrações como o Maracatu Estrela Brilhante do Mestre Zé Félix, o grupo de bacamarteiros da Associação de Bacamarteiros do Estado, um grupo de capoeira de Rio Formoso e Jadiel Pernambucarte.

VESTIBULAR – Para aqueles que desejam se inscrever no vestibular do IFPE, ou ainda estão em dúvida, essa pode ser uma ótima oportunidade de entender melhor as possibilidades de ingresso e as dinâmicas e perspectiva dos cursos ofertados. São 350 vagas distribuídas nos cursos superiores de Química e Agroecologia, além dos técnicos em Agropecuária, Alimentos, Hospedagem e Operador de Computadores (Proeja). As inscrições estão abertas desde a última segunda-feira (14/10) e seguem até dia 13 de novembro. É importante lembrar, contudo, que as solicitações para isenção da matrícula só podem ser efetuadas até o dia 24 de outubro.

Podem solicitar a isenção candidatos com renda per capita inferior ou igual a 1,5 salário mínimo, ou aqueles que sejam participantes dos programas sociais Bolsa Família e Benefício de Prestação Continuada e que tenham cursado todo o Ensino Fundamental ou Médio (ou que estejam no último ano) em escola pública, ou tenham sido bolsistas integrais em escolas privadas. Além desses, também estão aptos a solicitar isenção, estudantes ou egressos dos programas Mulheres Mil e PROIFPE Acesso, alunos de cursos Proeja ofertados pelo IFPE,  pessoas a partir de 50 anos de idade e membros de comunidades indígenas e quilombolas, assentados de reforma agrária, ocupantes de reforma agrária, agricultores familiares, trabalhadores rurais, ciganos, pescadores, marisqueiros, posseiros, extrativistas que tenham cursado todo o Ensino Fundamental ou Médio em escola da rede pública.


WhatsApp Image 2019-10-14 at 14.55.07.jpeg