Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > IFPE oferecerá curso de português para venezuelanos refugiados no Recife

Notícias

IFPE oferecerá curso de português para venezuelanos refugiados no Recife

Curso também será oferecido a instituições internacionais por meio de institutos federais de todo o Brasil
por publicado: 14/07/2021 11h27 última modificação: 14/07/2021 11h27

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) juntamente com outros 11 institutos federais do Brasil foram selecionados na chamada pública de adesão e implementação do Programa Português como Língua Adicional (PLA). Por meio da iniciativa, a instituição oferecerá curso de português para imigrantes venezuelanos refugiados no Recife da etnia indígena Warao.

O início do curso está previsto para o dia 23 de agosto e segue até dezembro. A turma será formada por estudantes indicados pelo Serviço de Proteção ao Migrante (SPM). O objetivo é atender uma necessidade urgente de capacitação dessa comunidade, promovendo sua integração e sua força de trabalho.

Além dessa iniciativa, o IFPE deve oferecer o curso para estudantes de instituições de ensino da Colômbia, Chile e Argentina. O processo de parceria com essas organizações internacionais está em andamento.  As aulas, ministradas por professores do IFPE, ocorrerão de forma on-line, por meio de uma plataforma própria. A seleção dos estudantes será realizada pelas instituições parceiras.

“Ao integrar o PLA em Rede, atendendo aos estudantes de instituições de ensino internacionais, o IFPE constrói mais possibilidades de parcerias com instituições estrangeiras, fortalecendo o projeto de internacionalização, e criando uma comunidade internacional de ação, o que, futuramente, gerará mais oportunidades para nossos próprios estudantes”, explica a coordenadora geral do Centro de Libras e Línguas Estrangeiras do IFPE (CELLE), Laura Cavalcanti.

O PLA em Rede é um curso online de 250 horas, oferecido por meio de um Ambiente Virtual de Aprendizado (AVA) e dividido em 18 lições, sendo aberta uma nova lição a cada semana. O curso é voltado para o fortalecimento das políticas de internacionalização e tem o intuito de promover a educação do idioma na Rede como língua adicional para formar cidadãos capazes de transitarem em diversos contextos globais e interculturais.

O responsável pela operação do programa é o Instituto Federal Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS). Além do IFPE, integram a iniciativa os institutos federais do Triângulo Mineiro,  de Brasília, de Mato Grosso, do Amapá, de Mato Grosso do Sul, do Ceará, do Rio Grande do Norte, do Rio Grande do Sul, Sul-Rio-Grandense, de Roraima e de São Paulo. Eventuais dúvidas sobre o PLA poderão ser esclarecidas pelo e-mail portuguesemrede.conif@gmail.com.

registrado em: , , , ,